Afinal, existe ou não existe almoço grátis?

Olá,

Você, caro leitor, já se deparou com alguma proposta de curso online nos últimos meses? De repente todo mundo começou a fazer curso? O que está acontecendo?

Todos esses estavam em suas casas, sem fazer nada, com todo o conhecimento guardado em suas mentes, esperando a oportunidade para, enfim, entregarem à humanidade seu santo graal do conhecimento?

Já reparou no que vem acontecendo no universo online? Estamos vivendo a corrida armamentista dos cursos.

Daí fazemos a pergunta:

Afinal, existe almoço grátis?

Hoje tenho visto que não, realmente não existe almoço grátis. Mas percebo que, na verdade, a entrada (e somente ela) está sendo servida de graça. As iscas digitais estão ficando cada vez mais elaboradas.

Por exemplo: Você recebe um convite no seu email para assistir a um vídeo despretensioso. Você acha legal, comenta e tal… daí, algum tempo depois chega outro, e mais outro, e mais ou menos no meio desse processo te perguntam:

Ei! Já se inscreveu na turma XPTO? Não?! O que está esperando?? Já estamos com 1.000.000.340 inscritos! Corre, as vagas são limitadas!

Âh?! Que turma é essa que eu ainda não conheço?! Como já tem tantos inscritos? Parece ser uma coisa boa…

A entrada está sendo servida, aos poucos, e já anunciaram que o prato principal tá vindo. Mas tenha certeza, ele não será gratuito.

Aí, depois de um tempo, mais e mais emails chegam sobre a turma incrível que está sendo formada. É imperdível. Daí vêm os depoimentos. Sensacionais claro.

Daí vêm os bônus. Impossível perder isso!

Daí o reloginho começa a correr.

Você tem XX dias, XX horas : XX minutos : XX segundos para adquirir o curso.

Ah sim! Tem a garantia de satisfação que TODOS dão e que é a mesma coisa: 30 dias (alguns 15) e se não quiser mais o curso, manda um email e tem o dinheiro todo de volta.

OK. E o preço?

Bom, continue esperando que você será informado sobre todos os detalhes OK? Enquanto isso, veja mais esse vídeo sensacional sobre o assunto que eu não vou detalhar aqui, mas somente na turma sensacional!

E o mesmo script é seguido por todos, à risca. Uns muito bem-feitos. Outros mais simples, mas que no final entregam a mesma coisa: Vídeos online, uma comunidade fechada no facebook ou um fórum exclusivo, e às vezes alguns brindes.

É muito lucrativo!

moedas

Por que todo mundo está fazendo isso? Veja:

Você irá investir algumas horas para elaborar as aulas. Irá contratar um serviço do hotmart ou monetizze para hospedar o curso. Criará algumas campanhas publicitárias e irá buscar parceiros (afiliados) para vender o curso junto com você. Ou seja, o investimento até aqui foi muito baixo. Claro, sua reputação já foi criada, seu investimento foi toda a sua vida de preparação, mas falando especificamente sobre como colocar o curso no ar para ser vendido, o custo é bem baixo. Já o retorno:

Se um curso é oferecido a 600 reais, e você consegue convencer 2000 pessoas a entrar na turma: R$ 600,00 x 2000 = R$ 1.200.000,00

Nada mau, não é?

Outras vantagens:

– Totalmente escalável. Sua turma pode ser aberta para o mundo, tendo 1 ou 100.000 alunos.

– Totalmente automatizado. Imagine, você não precisa ficar repetindo e repetindo a mesma aula, a tecnologia faz isso pra você.

– Pode ser uma fonte de renda eterna, basta manter o curso no ar.

Exemplo prático: CONBRAIF – Congresso Brasileiro para Independência Financeira

Semana passada, recebi um email sobre várias palestras online que estão acontecendo no primeiro CONBRAIF – Congresso Brasileiro para Independência Financeira. São vários palestrantes, sobre vários temas relacionados à Educação e Independência Financeira. Achei interessante e já estava querendo compartilhar com os amigos da nossa lista, mas quando eu cliquei no link, já pediram o meu email. Bom, já imaginava o que iria acontecer, mas continuei.

Adivinha? O evento é gratuito, mas já recebi vários emails para me tornar PREMIUM! Claro, com vídeos exclusivos, comunidade fechada de membros, garantia de 30 dias etc. Tudo igual.

Já desisti de oferecer esse congresso a você. Se quiser aproveitar as palestras que estão acontecendo, fique à vontade. Começou ontem. Mas saiba que vão te oferecer MUITO o upgrade.

E as opções estão ficando cada vez mais escassas. Quase tudo está envolvendo a necessidade de desembolsar algum dinheiro. Informação isenta, de qualidade e sem interesses comerciais está se tornando cada vez mais rara.

A oferta de cursos online está aí. Quando você coloca seu email numa lista para um curso superior, na página de algum autor de livros, em blogs (menos no Trabalhar Poupar Investir 🙂 ) cedo ou tarde receberá alguma proposta de curso ou evento online.

Não é meu objetivo aqui. Enquanto eu puder, enquanto os custos de manutenção do blog puderem ser mantidos sem recorrer a esses artifícios, o Trabalhar Poupar Investir estará servindo às pessoas com informação gratuita e de qualidade sobre investimentos, poupança, trabalho e renda (estou testando o anúncio no final de cada artigo para analisar como isso auxilia na manutenção do blog. Se eu tive o privilégio de ter sua companhia até o final de um artigo, o anúncio é para que possamos continuar compartilhando conhecimento utilizando esse canal).

Nunca diga desta água não beberei

Como eu disse, não é o objetivo do blog ir por esse caminho. Mas se até o Gustavo Cerbasi, milionário desde antes de lançar seus livros e se tornar ainda mais milionário, fez isso, eu não posso dizer que nunca o farei. Mas não tenho nenhuma pretensão de fazê-lo. Portanto, tenha certeza, o seu cadastro em nossa lista é para que eu possa te ajudar com informação isenta, gratuita e de qualidade sobre educação financeira. Quando houver algum curso de qualidade, que ofereça algo de valor, ainda que em troca de investimento financeiro não muito alto que possa ser revertido sob a forma de mais renda, mais rentabilidade em suas aplicações ou mais educação financeira, eu indicarei.

Eu indico alguns blogs sobre educação financeira que acompanho lá na aba estude. Não preciso investir dinheiro nesses blogs e obtenho informação muito boa. Mas no site do Bastter eu pago para ter acesso aos balanços das empresas, os quais são oferecidos de forma totalmente prática. Consigo obter os dados de que preciso para saber se continuo posicionado em determinada empresa ou não. Isso é informação com valor agregado, oferecida para quem paga. Então OK, para mim é importante, e eu pago.

A mensagem que eu quero deixar é: Vamos com cuidado. Fico vendo todo mundo vendendo tudo quanto é tipo de curso online. Educação financeira precisa ser disseminada sem pretensões comerciais. Eu continuo levantando essa bandeira.

Um abraço.

Melhorar sua vida financeira só depende de você!

Deixe uma resposta